Arquivo da tag: prestação de serviço

Divulgue seu trabalho na internet

Divulgue seu trabalho na internet pelo site:

www.bibliotecarios.net.br

Estou projeto permitira que os bibliotecários tenham uma pagina simples para divulgar seus serviços.

Cada um poderá definir seu link www.bibliotecarios.net.br/seunome

O ideal é optar por seu nome a não ser que já tenha um nome comercial ou marca para trabalhar.

A  página custará R$ 40,00 anuais pela hospedagem, uma vez definido o conteúdo, será permitido apenas atualizações mensais no texto, sem alteração do layout.

Os campos padrões são:

Nome:

Formação:

Atividades desenvolvidas:

Formas de pagamento:

Valores:

Residência: Cidade – Estado

Realiza trabalhos  online: Sim ou não

Disponibilidade para viagens: Sim ou Não

Site ou perfis nas redes sociais:

Contato: email ou telefone (optativo)

A foto é optativa, pode-se incluir outros campos, mas os padrões devem ser preenchidos.

O site já está ativo.

Informações:

bibliotecários@bibliotecarios.net.br

whatsapp: (51) 98178-4511

Bibliovagas nas redes sociais

O Bibliovagas mantem perfis no Instagram e Twitter,  @bibliovagas,  principalmente para divulgação de cursos e eventos da área de biblioteconomia, arquivologia e museologia.

Temos também canal no youtube, bibliovagas, onde os vídeos são sobre biblioteconomia e empreendedorismo.

 



O site www.bibliovagas.com.br é basicamente para divulgar vagas de emprego e concursos, sua vantagem é permitir facilmente uma pesquisa retrospectiva ou por palavras.

Temos também seções, divididas por estados, onde os profissionais podem divulgar gratuitamente seus cartões profissionais.

Em breve lançaremos um novo projeto onde divulgaremos perfis ou currículos mais completos dos profissionais que queiram divulgar seus produtos, empresas ou serviços.

Terceirização na Biblioteconomia

A terceirização na Biblioteconomia

Em 2018 já tivemos  exemplos de terceirização na área: os Faróis do Saber no Maranhão, as Bibliotecas Parques no RJ, a biblioteca do Centro Cultural do Banco do Brasil no RJ.

Em 2019 com a publicação do decreto nº 9.739 de 28 de março de 2019 os órgãos da administração publica federal direta, autarquias e fundações, terão muita dificuldade em conseguir aprovação para novos concursos públicos.

Os concursos não estão proibidos, mas as exigências para a sua liberação são extensas e no final existe uma alínea declaradamente pró-terceirização:

 Artigo 6 – XIV – demonstração de que os serviços que justificam a realização do concurso público não podem ser prestados por meio da execução indireta de que trata o Decreto nº 9.507 de 21 de setembro de 2018.

Os concursos irão se tornar raros, apesar de os estados e municípios não serem afetados por esta legislação, a realidade da maioria também é de contenção de despesas.

A criação de empresas de bibliotecários é uma necessidade e uma oportunidade de mercado. As administrações federais, estaduais e municipais estarão mais propensas a contratar uma empresa do que realizar um concurso público.

Mas não é apenas abrir empresas, é preciso ter capital social suficiente , um balanço patrimonial que comprovem uma boa saúde financeira para poder concorrer.

É necessário um trabalho junto aos governos de forma que os editais de terceirização permitam que as micro e pequenas empresas possam concorrer com chanche de ganhar, evitando assim que apenas as grandes empresas de terceirização de mão obra ganhem os editais.

Dicas de Empreendedorismo

Dicas para quem quer ser um bibliotecário empreendedor:

Faça seu planejamento, construa seu Plano de Negocios.

O que voce sabe fazer que as pessoas ou empresas pagariam por seu serviço ou produto?

Existem outros na sua região que oferecem algo igual? Qual sera seu diferencial para ter destaque sobre a concorrencia?

Que estratégias de divulgação voce ira usar?

 



Elabore a sua tabela de preços, sabendo quais são seus custos fixos e variaveis e qual preço minimo ou desconto maximo voce pode oferecer.

Caso ainda não tenha habilidades que garantam clientes, procure estudar para começar por aquilo que tiver o menor investimento inicial.

Pode-se começar com serviços como: ficha catalografica, normalização de trabalhos, referencia bibliografica, atualização de Lattes, existem infinitas possibilidades.

Mas o importante é pensar como empresa.

Quais são os serviços onde posso cobrar mais caro?

Onde a concorrencia é menor?

Quantos clientes preciso por mes, pagando quanto por cada serviço, para ter o meu ponto de equilibrio (receita que paga as despesas do mes)?

WorkShop Aprenda a Atuar como um Bibliotecário Empreendedor

O bibliotecário é um profissional liberal, podendo prestar serviços a terceiros sem vínculo empregatício.

No momento atual temos poucas vagas de emprego formal, é preciso aprender a atuar como um prestador de serviços.

Este workshop irá tirar suas duvidas sobre:

– Como divulgar meu trabalho?

– Como e quanto cobrar?

– Como montar uma proposta?

– Preciso abrir uma empresa?

Serão apresentados exemplos práticos para orientar quem deseja atuar na prestação de serviço e tirar as duvidas quando a formalização e necessidade de abertura de empresa

Palestrante:

Nelson Oliveira da Silva é bibliotecário, atua como consultor desde 2005 e já ministrou diversas palestras e cursos sobre empreendedorismo na biblioteconomia , moderador e gestor de conteudo do site www.bibliovagas.com.br

Inscrições:
https://www.sympla.com.br/workshop-aprenda-a-atuar-como-um-bibliotecario-empreendedor__284559